terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Desgastado

São apenas um par de olhos comuns, mas então porque eles têm todo esse poder? Ninguém sabe das coisas pelas quais passei, por inteiro, ninguém sabe como é tão difícil ter alguém antes tão importante transformado em um completo estranho, de uma hora para outra. Não, eu sei que não foi de uma hora para a outra, tenho a consciência de que meus erros foram dificultando cada vez mais as coisas, desgastando aos poucos. E eu quero lutar por isso, não quero desistir, quero que as coisas voltem a ser como eram antes, ou melhores. Não quero ter que seguir em frente, não quero ter que esquecer, os melhores momentos de minha vida. E sei que por você eu posso ser outra pessoa, totalmente diferente, melhor, sei que vale à pena, me esforçar, lutar com todas as minhas forças, uma pena você não achar o mesmo, realmente acredito que você já seguiu em frente, e é o que mais me doi.

Fraude

Se afogue em suas próprias mentiras, sufoque, eu não vou estar mais aqui por você. Cansei de aceitar seus erros, relevar as mentiras, ser um mero fantoche. Eu não sou escrava de ninguém, não sou obrigada a viver essa vida que você impôs a mim. Então, vá procurar outra, que aguente isso tudo melhor do que eu, pois já estou quebrada o suficiente. Cansada de tantas mentiras, de segurar o peso do mundo com minhas próprias mãos. Eu morri por dentro, e nada mais pode consertar isso, ninguém mais é confiável. Sucumba diante de suas próprias invenções, suas próprias historinhas esquematizadas para que sempre sejas a vítima. Mas você não vai conseguir ser a vítima, não desta vez, então aguente as consequências de seus próprios atos, torne-se homem, cresça, antes que o mundo te force a fazer isso. Você não é mais nenhuma criança, as pessoas não vão estar lá para te salvar sempre. Não dependo de mais ninguém, minha felicidade depende apenas de mim mesma, minha vida depende apenas de meu próprio esforço para crescer e me realizar. Afunde pelo peso de suas ações infantis precipitadas, agora já não há mais volta.

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Olhos

Olhos que advinham, que julgam, que ferem. Olhos que me cegam de forma fatal, mas dos quais não quero desviar o olhar. Olhos que viciam, me fazem querer venerar, querer desvendar. Fazem com que queira reviver, afundar, me afogar e me perder para sempre. Olhos que magoam, cinzento, nublado, olhos que mentem, devoram, iludem, me fazem querer ser quem não sou. Olhos que dão poder e que ao mesmo tempo são capazes de tirar, tornar nada, fazer rastejar. Olhos que intimidam, escravizam, brincam com seu psicológico. E ao mesmo tempo libertam, tão únicos, tão difíceis de desvendar, mas que ao mesmo tempo você nunca mais quer deixar de ver, perder. Quer que te domem, eternamente. Olhos que entorpecem, possuam-me mais uma vez. Falsa sensação de liberdade, falsas esperanças, a verdade é que tenho muito medo de estar aqui, parada sempre no mesmo lugar, presa a um passado que jamais teria algum conserto, você mesmo sequer aguenta continuar aqui, achando que algo será diferente desta vez, aguardando que as coisas finalmente mudem, e esperar sozinha também cansa, esperar por dois, jamais daria certo. E agora já não sei mais como faço para me libertar, pois o medo de seguir em frente e aceitar que tudo aquilo ficou apenas no passado, é igualmente grande. Não quero ter perdido parte de minha vida em vão, quero que sejas parte de um ganho, motivação, quem sabe até mesmo uma continuação. Quero que sejas tudo, e não que sejas nada.

Salvador

Toque em meu rosto enquanto me beija, me faça sua, pressione coxa contra coxa, me dê um caloroso beijo de boa noite. Faça dos seus braços minha morada, casa é onde seus braços agora estão. Passe a mão pelas minhas pernas, a língua na barriga, enquanto passo minha mão pelas suas costas. Você sempre dá um jeito de me arrepiar, causar, seu beijo intimida, cada vez mais profundo, tenho medo de me entregar, afundar, e então me encontrar perdida, não conseguir voltar. Por toda minha vida, sempre estive esperando você, que sempre dá um jeito de fazer com que eu te ame a cada dia mais. Esse corpo que agora é meu, cada centímetro, em toda sua extensão. Agarre-se a ele e jamais solte, quero deitar em seu peito, sentir o coração batendo forte, o meu, o seu, em conjunto, mesmo ritmo, mesmo compasso, tornando-se apenas um. Envolva suas mãos em meu pescoço, com toda sua força, quero sentir o aperto, a agonia. Morda, arranque um pedaço, quero sentir a dor aguda. Cada segundo longe dessas mãos, desses lábios, me parece uma eternidade, uma tortura, tenho consciência disso enquanto você me aperta, use-me de todas as formas possíveis e inimagináveis. Faremos loucuras juntos esta noite, como se o amanhã sequer existisse. Abrace-me, envolva-me, você me consertou, jamais quero estar quebrada novamente, após alguém finalmente ter despertado meu melhor lado. Estou desesperada por seu toque, não vá embora, não torne-se apenas mais um estranho, deixei todas as minhas barreiras caírem, destranquei a porta, só para você meu bem. Apenas me segure, e nunca mais me deixe cair, vamos juntar nossas peças quebradas, e nos tornar apenas um. Seus lábios fazem arte, pintam e bordam em meu corpo. Não quero ser apenas uma substituta, uma roda quebrada, quero ser seu tudo, seu céu, sua imensidão. Não quero mais saber daquela pessoa que eu era antes de conhecer seu corpo, intimamente, quero estar sempre perto o bastante para te tocar, sentir sua respiração. Admirar a luz que emana de teus olhos, sentir seu doce cheiro. Passar os dedos por cada fio de cabelo, cada osso, sentir sua essência, compreender sua alma como ninguém jamais compreendeu. E é um saco estar longe de você, e estou me apaixonando por cada parte disso que temos, qualquer um consegue perceber que estou louca de amor, viciada, necessitada, uma doente a espera de seu toque. Bebendo, fumando, enquanto aguarda o prato principal. Definitivamente, eu faria qualquer coisa por meu salvador, mas parece que você jamais vê quem realmente sou, você consegue enxergar isso?

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Sórdidos momentos

Há um monstro embaixo de minha cama, e esse monstro representa as mais sórdidas lembranças. Há um breu entre meu passado e meu presente, uma espécie de escuridão, lembranças esquecidas que já não pertencem mais a mim. Há uma forma de esquecimento, dentro de cada dor que sentimos, a preferência por não sentir nada, pois só o fato de não sofrer já é ainda melhor do que a possibilidade de, talvez, ser feliz. Melhor não se arriscar, melhor deixar as coisas como estão, e depois encontrar-se arrependida por não ter vivido, não ter sentido, sequer tentado. Lembranças reprimidas, que você mesmo sequer tem a consciência de ter vivido, elas encontram-se lá, bem guardadas, no fundo do mesmo poço. E no dia que essa água jorrar talvez seja tarde demais para tentar apagá-las mais uma vez, já tornaram-se parte de quem você é, parte de sua essência, de nada adianta tentar fugir agora.

domingo, 19 de fevereiro de 2017

Teus braços

Deixei meu mundo desmoronar em tuas mãos, fiz minha morada em teus braços, e então estranhei quando ela já não existia mais, me fiz em carne viva só pra você poder notar. Me encontrei certa vez em seus braços, e então de repente eu estava perdida novamente. Me desfiz e me refiz, em um quebra-cabeça de mil pedaços, só pra você poder montar. E nem todos os remédios, jamais seriam suficientes, para preencher a falta que você me faz. Então me pegue e cuide de mim, jamais me abandone novamente, e sequer cogite a possibilidade de que eu vá embora por conta própria, pois meu lugar é para sempre aqui, sendo eternamente sua.

sábado, 18 de fevereiro de 2017

Encardido

Teu sorriso rasga-me o coração, mais uma vez, revivo cada lembrança. Eu esperaria por você no final, como uma rocha, ficaria lá o tempo que fosse necessário, mas então você pôs tudo a perder, agora encontre-se aí, sozinho. Ninguém mais quer saber de você, ninguém tem tamanha paciência para grosserias, então contente-se com sua mais nova solidão, afogue-se em suas próprias palavras pesadas. Ninguém irá te resgatar mais, pois você finalmente mostrou suas garras, asquerosas, seu verdadeiro eu, agora apenas seja você mesmo, é tudo que você pode fazer. Afunde cada vez mais, em um poço do qual jamais conseguiria sair sozinho, e ninguém irá querer te salvar, tão sujo quanto suas próprias palavras imundas.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Compreenda

Sinta meu coração, compreenda que ele bate apenas por você. Compreenda que não há nenhum outro lugar em que eu preferiria estar, senão aqui, em seus braços. Passe tuas mãos sobre meu corpo, e compreenda que tudo isto é apenas teu, para amar e cuidar. Compreenda que eu sempre vou querer estar aqui, olhando enquanto você dorme, admirando cada traço de teu rosto. Vamos nos jogar no abismo, nos permitir sentir. Quero me acalentar em teus braços, esquecer que todo o resto do mundo existe, me perder em teus olhos, me afogar em teus beijos. Quero dormir e acordar a teu lado, todos os dias, pelo resto de nossas vidas. Quero conhecer sua alma, o mais profundo possível, e enfim reconhecer que finalmente encontrei o grande amor de minha vida.

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Procuro

Procuro em outros corpos o gosto que você deixou, procuro em outros ares aquele cheiro que inalei. Não quero recordar as memórias, e ver pela milésima vez aquelas fotos, eu disse a mim mesma que não sentiria sua falta, mas como posso se lembro perfeitamente como me sentia a seu lado? A cama parece mais fria, vazia, e não posso mais fingir que tudo está bem. Procuro em outros lábios aquele mesmo beijo, procuro em outras mãos aquele mesmo toque, porém jamais será igual. Acho que nunca seguirei em frente de verdade, nunca quis dizer adeus, mas tudo que agora faço é pensando no melhor, para ti. Pelo menos em meus sonhos ainda posso ter-te, tocar-te, e neles você nunca me deixaria ir, ou talvez assim seja melhor, afinal, onde você estava quando mais precisei de você? Quando precisei que você fosse amigo e não inimigo, você estava a quilômetros de distância, e eu não estarei aqui para sempre esperando que você mude de ideia, então só espero que alguém possa substituir tudo que fui pra você, e então você sequer se recordará de que fugiu com meu coração, levou todo o meu amor, e agora a vida apenas continua.

Grafite

Relembro seu sorriso, e agora ele que inspira-me a escrever, sinto sua falta. Daquele seu sorriso contido, tentando esconder dor, sem permitir-se sentir. Aquela curva dos teus lábios, tão perfeita, os olhos castanhos, teu osso da cintura pressionado contra meu corpo, que sempre machucava, mas sequer me importava com isso. Poderia transformar em carne viva que eu jamais me importaria, desde que você ainda estivesse aqui. Seu hábito de sempre segurar o choro, deixar ele sair de vez em quando seria bom, mesmo que apenas quando estiveres sozinho, mas eu gostaria muito de poder enxugar suas lágrimas, te fazer ficar bem, é uma pena não ter mais como ser essa pessoa. Sei que tudo aquilo que tivemos ficou para trás, são histórias de outro tempo, e no futuro você encontrará um outro alguém, bem mais capaz de lhe fazer sorrir, mesmo assim lembre-se com carinho, do que cada sorriso significou, naquele passado que agora já me parece tão distante.

sábado, 11 de fevereiro de 2017

Sentir

Preciso conhecer até mesmo seu pior lado, e te amarei mesmo assim, todas as suas imperfeições, cada centímetro de seu corpo, cada curva. Deveriam ser apenas alguns beijos, apenas uma noite, e tudo que eu conseguia pensar era deixe-me ir logo, mas então você me fez querer ficar. Eu não estava preparada para algo sério assim novamente, porém o destino estava nos chamando, convidando-nos a viver mais essa história. Agora quero saber que reação é essa que despertas em meu corpo, subitamente arrepia-me a espinha, me consome. Prazer, êxtase, toda a extensão de meu corpo treme. Te amo hoje, assim como te amei ontem e te amarei amanhã, e pelo resto de nossas vidas se me permitir, se me deixar sentir. Gosto de sentir suas mãos em volta de meu pescoço, suas mãos firmes em minha pele nua, batendo, tornando a pele branca vermelha como o sangue. Mãos geladas, tão próximas da chama, queimando lentamente, nunca mais estaremos sozinhos, nunca mais precisaremos nos privar de nossos sentimentos, estaremos em paz, apenas nós dois contra todo o resto do mundo, e é isso que importa.

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

Imerso

Sinto a tranquilidade do mar enquanto boio na água, ouço seu silêncio. A imensidão azul não assusta, ela me conforta, me alimenta, tranquiliza. Quero ir cada vez mais fundo, na água, nos seus pensamentos, invadir sua alma, penetrar o mais profundo possível, até conhecer aquela versão de você que ninguém mais conhece. E quem sabe nunca mais voltar dessa imensidão azul, ou talvez você chegue a tempo e me resgate. Ouço o chamado do mar, mais fundo, mais fundo, mais rápido, mais rápido, pegajoso, escorregadio. Afogue-me, abrace-me, encante-me, embale-me, dê-me o doce beijo da morte. Enquanto apenas ele pode dar-me o beijo da vida, salvar-me. Sinto a leve brisa bater em meu corpo, meu rosto, a água gelada purifica, entorpece. Sinta o sol queimar sua pele, a carne em brasa, assim como o calor que sinto no peito, a cada vez que penso em você. Mergulhando, imóvel, intacta, afundando, você não sabe até onde essa última onda pode te levar. E o medo continua aqui, medo de falhar com você, te decepcionar da mesma forma que decepcionei todos os que mais se importaram comigo. Mas quando te vejo, eu apenas sei, sei que dessa vez tudo pode ser diferente, tudo pode valer à pena, e nem todo o mundo será suficiente para nós dois.

Arrebatamento

Leve-me embora deste lugar, arrebate-me, vamos fugir juntos, criar nosso próprio mundo. Chegue mais perto, logo devemos partir, e vou dar-te inúmeras boas razões para fazê-lo. Vamos desaparecer, descobrir em que lugar podemos parar, sem regras, sem destino final, a felicidade garantida é estar contigo. Talvez peguemos uma carona para o outro lado, com um leve toque, segure minha mão, ou até mesmo com toda a força possível se for necessário, apenas não solte, e assim lhe mostro o caminho que tomaremos juntos. Nunca fui muito boa em casos de apenas uma noite, e você tem algo que sem duvida alguma me faz querer ficar, quero te arrebatar da mesma maneira que fizeste comigo, cativar-te, fazer com que tenhas o mesmo desejo intenso que tenho de ficar aqui, para sempre, deitada a teu lado, apenas admirando teu rosto, sua respiração, toda a beleza disso que agora temos. Não consigo mais parar de escrever versos sobre você, e todos eles nunca parecem o suficiente, para descrever tudo o que agora sinto.

Incorruptível

Quero ver o mundo em seu olhar, todo o nosso futuro juntos, pois por você vale à pena sonhar, planejar, sentir que é algo mutuo. Eu trocaria a eternidade por sequer mais um beijo seu, mais uma noite, e até quem sabe mais um dia. Permita-se amar, enxergar novos horizontes, venha aconchegar-se em meus braços. Tudo parece tão verdadeiro, intenso, e ao mesmo tempo tão surreal. Nunca mais quero ficar sozinha após conhecer seu toque, seu corpo, teu calor, teus olhos e teu maravilhoso beijo, leve tudo que quiser de mim. Nunca se sabe o que podemos encontrar no fim da estrada, estava incompleta até você chegar, e só então pude perceber isso, apenas após sentir tudo que agora sinto. Intenso, verídico, voraz. Eu achei que nada pudesse ser mais belo que o horizonte, até ter a visão do teu corpo nu, do teu sorriso. Então cuide muito bem disso tudo que estou lhe oferecendo, pois será apenas teu, ninguém mais poderá ter. E meu coração pode parecer bem forte, porém torna-se bem frágil quando pulsa só por você. Realmente posso me permitir sentir? Me entregar? Me faça sua, quero enxergar o mundo através de seus olhos, ver as maravilhas que você também vê. E se um dia escolher partir, deixe-me os mais belos momentos de lembrança. Essas memórias são minhas para manter, nossas e de ninguém mais, aconchegadas bem no fundo de meu peito. E escrevo este texto para dedicar a meu belo amado, e mesmo depois de saber tudo que agora sabes sobre meu passado, ainda queres ficar? Se sim, então apenas dê aquele seu sorriso de lado que tanto me encanta, e então saberei na mesma hora que tudo ficará bem, enfim, completa serei.

Roleta-russa

Não consigo mais arrumar a bagunça que você deixou aqui, uma menina tão linda e ao mesmo tempo tão podre por dentro. Cansada, acabada, sentindo-se imunda. Não consigo mais contabilizar os cigarros, já perdi as contas de quantos traguei tentando esquecer, e é assim que você percebe o lixo que se tornou, que se torna mais a cada dia. Você é tudo de que eu preciso e tudo que já não tenho mais, e isso me mata por dentro, o pior de tudo é ter que ficar sorrindo pra todos e fingir que estou bem, quando na verdade estou desmoronando por dentro. É como se tivesse uma arma apontada para a minha cabeça, brincando de roleta russa, torcendo para que desta vez finalmente funcione.

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Necessidade

Jamais tive noites tão vazias antes, você procura consolação numa cama aleatória, quer sentir qualquer prazer, sentir-se desejada, sentir algo. Drogas, você quer sentir a dormência, sentir-se entorpecida, chapada. Qual é a droga não importa, o lugar sequer importa também, o importante mesmo é a sensação. Mas se as pessoas vissem o que vejo quando olho em seus olhos, elas saberiam o quanto você é maravilhoso. Se elas conhecessem essa versão de você que apenas eu conheço ficariam vislumbradas, e aí sim talvez eu não precisaria mais de todas essas drogas, de todos aqueles quartos diferentes, apenas de você.

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Suspiros

Gosto de sentir seu coração batendo acelerado, a respiração ofegante, os sons que você faz quando sente prazer. Gosto do encaixe de nossos corpos, tão perfeito que sequer me importo com a dor quando seus ossos pressionam minhas coxas, o prazer é mais importante. Teu calor, teu cheiro inebriante, teu toque. Vamos ficar chapados juntos, lábios dormentes encontrando-se, corpo leve. Sua blusa azul me serve melhor do que qualquer outra roupa que já tenha usado, assim como nossos quadris se encaixam perfeitamente, e a conexão que temos é incrível. Não há nenhum outro lugar em que eu preferiria estar agora, quando nossos corpos estão no ápice do prazer, percebo que você me deu algo tão simples e puro, do que eu mais precisava e sempre procurava encontrar, você simplesmente foi carinhoso comigo, maravilhoso, de uma forma que ninguém jamais foi, Vamos aproveitar, viver o agora, a vida é curta e passa muito rápido. É um fogo que lentamente queima, e não me importaria de continuar aqui até tornar-me cinzas. Seus doces lábios, pressionados contra os meus, seu beijo terno, calmo, sem pressa, que faz com que eu me sinta apenas tua, e você apenas meu, uma garota no paraíso. Me beije intensamente antes que eu me vá, e então estarei aqui mais uma vez, em breve, como pude me deixar apaixonar tão rápido, me jogar de cabeça assim? E agora nada mais me assusta, amor você é o melhor. Vamos nos arriscar, tudo me levou até este momento, até o aqui e agora com você, tudo aconteceu no momento perfeito, e jamais quero que essa sensação de estar flutuando vá embora, quero voar cada vez mais alto, a seu lado.

Superação

Deixo o sangue escorrer pelas minhas veias, levar embora tudo que representa você, os remédios, os cortes, e a frágil esperança de que uma hora, eventualmente, não precisarei mais de nada disso. Tentei cortar meus pulsos, cheguei a conseguir de leve, mas não consegui continuar, porque naquele momento eu percebi que poderia nunca mais te ver, então parei na mesma hora. Parece que nem para isso eu sirvo, que nem para isso eu tenho o que é necessário. Mas não, não quero te ver, não por enquanto, quero criar a coragem necessária para andar com meus próprios pés, caminhar sozinha novamente, e aí sim ter alguém maravilhoso à meu lado, algo puro, aquele alguém que eu possa acordar ao lado dele todas as manhãs e chamar de meu. Jamais cansar de olhar para os mesmos belos olhos castanhos claros, para o mesmo sorriso que vai sanar qualquer tristeza, dissipar qualquer duvida, de forma que vou saber que é exatamente aquilo que quero para o resto da minha vida.